Grupo Atuart ganha prêmios no Festival Estadual de Teatro Estudantil de Viamão

, Saúde

O grupo AtuArt, das Oficinas Terapêuticas de Teatro da Secretaria Municipal de Saúde de Palmares do Sul, participou do Festival Estadual de Teatro Estudantil de Viamão (FESTIVE). O grupo apresentou a peça “O Reino Cinzento” no dia 14 de novembro, às 9h, no auditório do Colégio Estadual Setembrina e obteve os prêmios de Destaque de Teatro Juvenil e Destaque de Figurinos, para Matheus Souza. Além disso, recebeu indicações aos prêmios de Destaque de Trilha Sonora, para Rudy Kestering, Destaque de Caracterização/Maquiagem, para Maria Paula Correia e Destaque de Ator, para Matheus Souza.

O Festival tem como principal objetivo fomentar as artes cênicas no âmbito escolar, utilizando a arte e a cultura como agentes de transformação social. O evento teve 33 inscrições de grupos de todo estado do RS. Desses, apenas 12 foram selecionados, vindos de nove cidades. Foram quatro dias de festival, de 12 a 15 de novembro, com espetáculos de diversas regiões do Estado e apresentações gratuitas nos turnos da manhã, tarde e noite.

“Esta foi uma grande oportunidade para os participantes do Grupo AtuArt, pois os festivais de teatro possibilitam o intercambio de diferentes grupos de teatro, o que amplia o conhecimento e promove a socialização”, explica Bianca Flôres, professora e diretora do espetáculo. O projeto é uma iniciativa da Secretaria Municipal de Saúde e a coordenação é do NAAB (Núcleo de Apoio à Atenção Básica). As atividades são executadas pela Associação Espaço da Arte.

O Reino Cinzento”, de Bianca Flôres, tem como cenário um povoado onde as cores eram proibidas, devido à tradição de que tudo deveria ser cinza.  Insatisfeitos com esta situação, o príncipe Borralho e a princesa Gris iniciam uma verdadeira revolução no reino. Com ajuda dos pintores, eles irão encher de cores roupas, alimentos, casase até pensamentos. Com figurinos criados por Matheus Souza, 17 atores darão vida a diferentes personagens, para contar esta história que pretende refletir sobre o conceito de liberdade e direitos do povo. A trilha sonora foi criada especialmente por Rudy Kestering e será executada ao vivo.

As oficinas Terapêuticas de Teatro farão uma pausa nas atividades neste final para reorganização do projeto. Em breve as aulas retornam e será comunicado em todos os meios de comunicação da Prefeitura Municipal de Palmares do Sul.

Imprimir